quarta-feira, 20 de janeiro de 2016

HÁ QUEM VIVA SEM DAR POR NADA | Uma senhora idosa assegura ao pirilampo que é sua fã. Como a senhora vai votar nele, ele pergunta a razão de tanta confiança na sua pessoa humana. A senhora diz que isso não sabe. Gosta, pronto. A seguir queixa-se da reforma escassa e do seu escasso aumento pelo anterior governo. "Quatro euros. Nem cinco euros aumentaram. Estive para pegar no dinheiro e mandá-lo para o Passos Coelho, para ele beber um cafezinho". Não o fez, mas vai agora dar o voto ao seu locutor preferido da televisão. É a mesma coisa. Há quem viva sem dar por nada.
facebook

+