quarta-feira, 2 de setembro de 2015

DEMOCRACIA POR CABO | Parece que começaram os debates eleitorais. Catarina Martins e Jerónimo de Sousa conversaram num canal por cabo qualquer. Nem sei qual foi. Não dei por nada. Percebo que agora a democracia — sim, falamos de debates para o Parlamento de um país — é um produto televisivo que se escolhe entre a programação generalista. O regime democrático trata-se a si próprio como um vulgar produto de consumo. A televisão pública não teria aqui qualquer coisa a dizer? Para que serve? Ou estão programados outros debates? Vou estar mais atento.
facebook
+