terça-feira, 15 de maio de 2018


TOM WOLFE | Fogueira das Vaidades, editado pela Dom Quixote, fez-me perceber uma certa vida americana e também o que o jornalismo pode fazer pela literatura e a literatura pelo jornalismo. Tom Wolfe deixou-nos e deixou uma obra singular. A capa desta "fogueira" foi concebida pelo meu colega e amigo Fernando Felgueiras. Criou uma "grelha" gráfica que alojava os grandes nomes da literatura universal. Cheguei a organizar uma exposição dele em Setúbal, no Fora de Moda. Há muito que nada sei do Fernando Felgueiras. Alguém sabe?
facebook
+