sábado, 15 de julho de 2017

QUALIDADE SEM QUALIDADES | O homem sempre foi assim. Um ser abjecto. Reaccionário até à medula. Um cretino competente. Cretino como ser humano, é claro. Competente como médico. Daí a polémica fazer sentido. Ah, e tal, está velhote. Está velhote, sim, mas continua a disparatar. E estes disparates não são inocentes. Podem ter tido consequências. A criatura tomou decisões que tolheram carreiras profissionais? Isso deveria de ser investigado. A vida das pessoas é o assunto mais importante das nossas vidas.
Fonte Expresso
facebook
+