sexta-feira, 30 de junho de 2017

SIMONE | Coragem, inteligência e independência política nunca lhe faltaram. Resistiu e sobreviveu ao nazismo. Ombreou com gente que valeu a pena ouvir e seguir. Talvez por isso Jean-Luc Mélenchon tenha esta opinião: “Madame Veil pertence ao melhor da nossa história”. É isso.
Fonte Expresso 
facebook
+