quarta-feira, 28 de junho de 2017

O PEIDO QUE O SALVADOR DEU NÃO FOI ELE FUI EUParece que o Salvador ameaçou largar um gás intestinal sonoro para ver o que acontecia. Escândalo. Não se faz. Ora, acontece que o rapaz está farto de ser tratado como se fosse um macaquinho sempre em cima do palanque com a missão de "emocionar" instantaneamente. Ele disse: a música é sentimento. Agora está tramado. O público do eurofestival sabe lá o que é isso? Salvador Sobral entrou numa carroça à força e agora ainda não acredita que sair daquilo em andamento é muito perigoso. Ganhou popularidade, mas o caminho é penoso. Paciência, rapaz. Um dia destes, quando já não precisares do mediatismo de encher balões para nada, larga mesmo o que tens lá dentro. Mas para já abre-te com os amigos e chega. Não entres nessa de chocar o que te irrita. Chocar é fácil. Tu pareces melhor do que isso. Pronto, agora entrei em modo moralista. Se calhar era melhor o peido. Já não sei.
facebook
+