quarta-feira, 3 de maio de 2017

ARTE SACRA | O terço da Joana é uma grande, uma enorme demonstração de fé. A santinha da Atlantis também está muito bem, benza-a Deus. Diz que é Arte. A Igreja Católica anda a investir em arte há muito. Pintura, escultura, vídeo, performance, instalação são disciplinas artísticas historicamente convocadas para a aproximação ao culto. Ficou famosa uma instalação que uma grande artista apresentou, há precisamente 100 anos, ali naquele sítio agora muito conhecido por ostentar o monumento de Joana. Chama-se Fátima, salvo erro. Aquilo deu trabalho. Para a época foi qualquer coisa. Meteu uma azinheira, figurantes lá da terra e efeitos especiais com grandes recursos técnicos. Até o sol bailou em écran gigante. Deve ter sido caro, mas as pessoas gostam, ouve-se com frequência quando a intenção é promover o excesso de diversão e fantasia. Divirtam-se. E bom negócio.
facebook
+