domingo, 23 de abril de 2017



GRANDES SONS - 7 | O poema é de Eugénio de Andrade. A música de Fausto e de A. P. Braga. É cantado por Fausto e por José Afonso. A perfeição poderá não existir, mas este é um dos momentos em que percebemos que é possível andar lá por perto.
facebook
+