segunda-feira, 16 de janeiro de 2017

MARIA CABRAL A actriz morreu. A beleza discreta e o desempenho nas telas de cinema surpreendiam-nos. Sempre. Foi  cara da renovação das fitas em Portugal. Fico com esses registos. 
Imagem: Maria Cabral, "No Man's Land", Alain Tanner, 1987.
facebook
+