sábado, 12 de novembro de 2016

O TRIUNFO DOS MERDASO que é mais engraçado no meio disto tudo é que muita gente que agora está chocada com a vitória de Donald Trump até está mais próxima dele do que realmente pensa. No fundo até são anti-sistema como ele — os políticos são todos uma merda, quem não é cá da terra devia bazar mas é, a interrupção de gravidez é crime, pagar impostos é ser parvo, uns piropos e uns apalpões numas gajas dá saúde e faz crescer, a homossexualidade é uma doença, a humanidade foi criada a partir de dois bonecos de barro, O pessoal só devia ver reality shows e não se meter em política, que é uma grande seca, e, lá está, os políticos são todos iguais — mas usam o sistema como ele porque um sistema dá sempre jeito para dizermos que somos anti-sistema. A boçalidade não ganhou apenas nos EUA. A boçalidade é universal. E isso é que é perigoso. Mais cedo do que se pensa o mundo poderá ser totalmente comandado por idiotas. A coisa não começou com Trump, mas Trump veio mostrar que a experiência é possível na esquadra dos polícias do mundo. Cretinos encartados e ingénuos pouco documentados estão com o olho no homem da exuberante cabeleira loura. Alguns espreitam pelo canto do olho. Estão curiosos. Vamos lá ver o que isto dá. E votam. A merda é essa.
facebook
+