domingo, 11 de setembro de 2016

MORTE EM SETEMBRO | Até àquele dia recordava-se o golpe fascista no Chile. O dia 11 de setembro de 2001 acrescentou mais morte à data. No Chile, o ditador criminoso Pinochet exterminou sem piedade quem dele discordava. A chacina durou muitos anos. Em Manathan morreram três mil pessoas em poucos minutos. Ao Chile nunca fui. Em Manathan estava naquele dia em que a morte saiu à rua. Regressei a Portugal no domingo seguinte. Claro que as recordações daquele tempo estão vivas na minha memória. Foram dias felizes para mim com um mau fim para o mundo. Começou naquele dia muito do mau que suportamos hoje. Naquele dia foi declarada uma guerra sem fim à vista, onde não há vencedores nem vencidos. A morte aparece quando menos se espera. É a estratégia terrorista. O terror surpreende-nos sempre.
A fotografia foi tirada no dia anterior aos atentados, muito perto de onde tudo aconteceu.
facebook 

+