terça-feira, 26 de julho de 2016


AS PALAVRAS E OS ACTOS | Sempre achei que as palavras também são actos. Em liberdade e democracia as palavras decidem e executam. São actos, portanto. Perante as barbaridades a que assistimos actualmente, já não se entende que actos tomar perante tanto crime. Já não há palavras. Não há tempo para debates e decisões com objectivos futuros. O perigo instalou-se e veio para ficar. A extrema-direita toma o poder um pouco por todo lado. A intolerância gera intolerância. Isto está mesmo muito perigoso.
Fonte Expresso
facebook
+