sábado, 18 de junho de 2016

A SOLIDÃO DOS NÚMEROS PRIMOS | Parece evidente para qualquer um que a manifestação amarelada não poderia ter 40 mil pessoas a desfilar. Basta olhar para o recinto em que decorreu. A manifestação de hoje, olhando para o recinto em que decorreu, percebe-se que deve ter contado com o número que o Expresso aqui revela. Mas para além destas evidências, existe outro factor que deve ser levado em conta. É claro que não há números que aguentem os que querem que todos paguemos as suas escolhas privadas. Ou será que está tudo parvo? Ou doido? Tenham juízo. Só isso. Não é pedir assim muito.
Fonte Expresso
facebook
+