sábado, 23 de abril de 2016


LUÍS FILIPE ABREU desenhou que se desunhou. Ilustrou livros e fez selos e notas. Selos dos CTT, daqueles que se colam nos envelopes que envolvem as mensagens escritas, no tempo em que não havia maneira mais rápida de enviar correio. Notas do Banco de Portugal, no tempo em que os escudos giravam de mão em mão. Em junho vai estar na Festa da Ilustração em grande exposição que é também uma homenagem. Os grandes ilustradores vão passar por esta Festa.
facebook
+