quarta-feira, 28 de outubro de 2015

OUTROS TEMPEROS | Os corajosos despenseiros que se sujeitam a serem apresentados na Assembleia e a levarem uma corrida dali para fora logo a seguir, merecem toda a nossa consideração e respeito. Não é qualquer um que se chega à frente para manter os tachos ao lume. O chefe de mesa permitiu que a panela fervesse em excesso e agora tem o caldo entornado. Há já quem proponha outros temperos. Como não é qualquer cozinheiro que entra lá na cozinha — o chefe de mesa não admite quem entre pela porta da esquerda — não seria melhor ele próprio sair pela porta dos fundos? Ficava a batata quente para quem viesse a seguir. Assim como assim sempre se poupava algum tempo. E tempo é dinheiro. Olhem os mercados.
facebook
+