domingo, 5 de julho de 2015

CLARO QUE NÃO! | É quase certo que o NÃO é vencedor. Apesar das ameaças os gregos responderam negativamente a mais austeridade. As ameaças não funcionaram. Não percebo onde está a admiração. O que os tecnocratas europeus pedem não é sustentável. Mais austeridade? Como? Este resultado é uma resposta de quem não tem nada a perder. Os comentadores oficias do governo português não entendem isto. As pessoas são números. Marques Mendes faz os habituais exercícios de estilo. Bonifácio e Fernandes vomitam ódio. Gomes Ferreira insiste nas inanidades contabilistícas do costume. Estamos a viver outros tempos. Tempos que vocês não entendem. A insistência na trôpega ideologia de direita ajustadora não resolve o problema dos países. Vocês e os vossos governos não estão a perceber nada. É a política, estúpidos. Continhas de sumir façam lá nas vossas casinhas.
facebook

+