quinta-feira, 5 de fevereiro de 2015

HÁ QUEM VIVA SEM DAR POR NADA | Um colaborador de Varoufakis respondeu ao contador de histórias para adultos português que é também primeiro-ministro. "Os contos de crianças trazem sempre esperança", disse. Acrescentando que o ministro das finanças grego "atribuiu grande importância à relação entre os dois países, uma vez que a Grécia e Portugal estão no mesmo barco". Aguarda-se a resposta do navegador Passos Coelho. De barcos percebe ele. Especialmente de barcos que se afundam. Homem dado a músicas ligeiras, insiste em permanecer na orquestra que não desiste de tocar enquanto o barco submerge. Há quem viva sem dar por nada, como diria José Afonso. Notícia i
facebook
+