quarta-feira, 26 de novembro de 2014

O LÍDER EUROPEU | Este senhor representa um pequeno Estado na Europa, mas o seu discurso apela à decência da sensatez, com propostas concretas, como se tivesse sido empossado líder europeu. Se Juncker o aplaude é porque não está a perceber nada. Se a direita e a extrema-direita o aplaudem, é porque estão a assobiar para o lado. Se a esquerda não interpreta politicamente os recados, é porque está distraída. Crenças postas de lado — incluo-me entre os que não atendem a assuntos de fé extra-terrena —, teremos que reconhecer que estamos perante um grande estadista. Não um estadista vulgar, com discurso politicamente correcto e pose fotográfica. Este homem sabe o que diz porque percebeu o que se passa. Só isso. Acontece aos melhores. Notícia DN
facebook
+