quinta-feira, 27 de março de 2014

A BEM DA NAÇÃO | Teodora Cardoso, a ilustre presidente de um conselho qualquer de finanças públicas apostado em lixar a vida a pensionistas e funcionários públicos, resolveu propor aos rapazes do PPD/PSD a aplicação de um imposto que poderia sacar mais umas massas aos idosos que levantam dinheiro nos bancos. Um dia destes ainda alguém propõe que o pessoal seja pago em géneros. O governo fazia um acordo com as marcas e a malta recebia em sumóis, danones, produtos pingo doce e continente e assim. Não saía dinheiro dos cofres do Estado e a maralha sempre comia qualquer coisinha, enquanto os grandes empresários desenvolviam a sua economia. Isso é que era uma grande revolução neoliberal. Pensem nisso, mas não digam nada ao Tribunal Constitucional. Aqueles juízes são uns chatos.
facebook
+