segunda-feira, 13 de janeiro de 2014

PASSOS & ARNAUT, ASSOCIADOS | Passos, perante um reparo menos lisonjeiro, esclarece que não pode ser bom em tudo. José Luís Arnaut, bom em tudo, assegura que quem critica o seu transbordo para o Goldman Sachs não tem mundo e só diz barbaridades. Declarações de dois espécimes que sempre viveram à conta do sistema e que estão na política apenas para isso. Quando eu era rapaz chamava-se a estas alarvidades fanfarronice. Mais tarde chamou-se filha-da-putice. Hoje chama-se segurança e atitude. O que nós devemos a esta gente do PPD/PSD
facebook
+