sábado, 30 de novembro de 2013


FERNANDO PESSOA EM DELÍRIO  | Estreou na passada quarta-feira e vai frequentar as tábuas do São Luiz até hoje. Pessoa é sempre Pessoa. Tabucchi inspira confiança literária. E André Gago é um actor com A grande. Também é autor e encenador. Estes “Três últimos dias de Fernando Pessoa” foram dirigidos por ele. Fernando Pessoa é internado no hospital dos ingleses, no Bairro Alto. Pessoa tinha muitas pessoas dentro dele. Vozes diferentes entre si. Na cama do hospital recebe os seus mais próximos heterónimos. Esclarecem preocupações. Exploram discordâncias. Um delírio. 
Cenário eficiente. Representação notável. Encenação de gabarito. Como já referi, hoje é a última representação destes  “Três últimos dias de Fernando Pessoa”. Se forem a correr ainda os apanham. Os que o fizerem não se vão arrepender. 
facebook


sexta-feira, 29 de novembro de 2013

PRIVATIZAÇÃO DA ASSEMBLEIA DA REPÚBLICA, JÁ! | Assunção Esteves, a presidente da Assembleia da República nomeada pela maioria de direita, diz que as manifestações na Assembleia da República são "crime público". Se calhar a senhora acha que o que é público deve passar a privado, ponto. Ainda os havemos de ver pedir a privatização da AR. Um bom negócio a ser explorado pela fundação do homem do pingo doce, por exemplo. A senhora dona Assunção devia pensar pelo menos "um minutinho" antes de dizer disparates. A Assembleia da República, em democracia, é a casa do povo, e não uma metáfora da "escritora" Margarida Rebelo Pinto. A direita tem uma ideia tão gira de democracia. 
facebook
DOS SILÊNCIOS | Quatro anos e meio após a sua morte, regressamos ao convívio poético com Miguel de Castro. Estes inéditos foram gentilmente cedidos pela mulher que o acompanhou toda uma vida até ao fim dos seus dias. Alice permite assim que a poesia de Jasmim Rodrigues da Silva (seu verdadeiro nome. Miguel de Castro foi pseudónimo poético sugerido por Sebastião da Gama), não se fique pelos cinco livros editados em vida do autor. O poeta deixou extensa produção digna de atenção. Esta pequena amostra, que hoje vai ser apresentada na Casa da Cultura, em Setúbal, antecipa e anuncia a publicação de toda a sua obra, com a inclusão de surpreendentes inéditos. 
Um grande poeta que não decepciona os  muitos e atentos seguidores do seu trabalho.
Este De silêncios e de sombras encontra-se à disposição dos possíveis aquisidores na loja da Casa e na livraria Culsete. O pedido também poderá ser feito por correio electrónico, para o endereço que se revela por baixo da minha assinatura, aqui no lado direito desta conversa. E termino a prosa com um dos poemas seleccionados para  o livrinho. Até logo.
facebook

quinta-feira, 28 de novembro de 2013


Os teus seios respiram sobre a cama
Adormecidos, nus…Que maravilha!
Teu corpo adolescente é uma ilha,
E tem no meio um bosque que me chama. 
É seda a tua pele… E como brilha
Na luz do abajur que se derrama
No deserto tão branco dessa cama 
Onde dormes e que ninguém partilha 
Olho as pombas rosadas e quietas 
De bicos agressivos como setas…
Eu mando embora os últimos receios
E poiso a boca em lume nos teus seios.
Toda nua, sorrias, acordada.
Tropeçava, sem luz a madrugada

Miguel de Castro
19/11/1997

quarta-feira, 27 de novembro de 2013


terça-feira, 26 de novembro de 2013

PAPA INCITA À VIOLÊNCIA | O Papa Francisco não esteve na Aula Magna ao lado de Mário Soares, mas pelos vistos andam a ler o mesmo catecismo. Papa Francisco e Soares defendem que esta situação pode levar a uma explosão de violência. Aguardamos a todo o momento uma declaração do primeiro-ministro Paulo Portas sobre este incitamento pelo representante dos céus na Terra. Ou mesmo do primeiro-ministro Passos Coelho. Também se aguarda a posição do ministro Macedo das seguranças. Estamos muito preocupados com as declarações destes conhecidos arruaceiros.
facebook

FERNANDO PESSOA EM DELÍRIO | Estreia esta quarta-feira. Pessoa é sempre Pessoa. Tabucchi inspira confiança literária. E André Gago é um actor com A grande. Também é autor e encenador. Estes "Três últimos dias de Fernando Pessoa" foram dirigidos por ele. Lá estarei para dar um abraço ao meu amigo André. Depois falamos.
facebook

segunda-feira, 25 de novembro de 2013

DIA INTERNACIONAL PELA ELIMINAÇÃO DA VIOLÊNCIA CONTRA AS MULHERES | É importante denunciar. É urgente acabar com esta brutalidade.
facebook
ALCINO SOUTINHO | Grande nome da arquitectura contemporânea. Um grande arquitecto português que desaparece. 
Fica a obra. E que obra.
facebook

domingo, 24 de novembro de 2013

PANELAS DE PRESSÃO E OUTROS UTENSÍLIOS | Fazer pressão está na ordem do dia. Todos experimentam este corridinho. Mário Soares também entrou na dança das pressões. Portas sentiu que Soares fez pressão sobre a sociedade: incitou à violência, diz ele. Vai daí resolveu pressionar a opinião pública contra Soares. Durão Barroso, líder europeu, fez o que não faria em relação a nenhum outro país - situação completamente inimaginável -, e também deu uma achega ao rol de pressões. Cavaco sentiu-se pressionado e lá vão para análise uns acordãos que são de trombas inconstitucionais aqui ou em qualquer constituição do mundo. A coisa não agradou aos decisores infalíveis. Desta vez foi Poiares Maduro que veio conspurcar os monitores televisivos com uma pressão: o Governo não tem plano B se houver chumbo. Então se não sabem governar sem rasgar a Constituição, sigam o exemplo de Barroso - que se foi embora quando a coisa deu para o torto - e ponham-se na alheta também. É que as coisas não estão a correr tão bem como apregoam os governantes e os macaquinhos do comentário económico que sempre se enganaram. Olhem que a panela de pressão rebenta mesmo. E nós não temos nada que vos agradecer. Fazem cá tanta falta como a fome.
facebook

sábado, 23 de novembro de 2013

O BAIRRO | O Bairro Alto já conta 500 bem vividos anos. A DDLX completará 10 anos em fevereiro do próximo ano. Comemoraremos o primeiro ano de instalação no Bairro Alto precisamente na data do nosso aniversário. Dez anos de existência nesta fantástica cidade. Associamo-nos com esta imagem às festas do Bairro. E conviveremos com ela nos próximos meses.
facebook

sexta-feira, 22 de novembro de 2013

Entrevista Público
facebook

quinta-feira, 21 de novembro de 2013

FOI VOCÊ QUE PEDIU UMA NOVA PIDE? | Teresa Leal Coelho e Nuno Magalhâes já se entenderam. São as novas caras de um velho conceito. É o eterno retorno do fascismo. Os novos fascistas andam aí. Já nem disfarçam. Se isto não é uma nova polícia política é o quê?
Notícia Público
facebook

quarta-feira, 20 de novembro de 2013

A EDUCAÇÃO DE CRATO | Nuno Crato, o paladino da direita para a educação. O grande impulsionador do ensino privado impulsionado pelo financiamento público, não convence os homens das universidades com a sua conversa de encher. Os reitores romperam as reuniões com o governo. E há quem peça a demissão de Machete por evidente inabilidade política. Não é apenas Machete que não acerta uma. São todos. Esta gente não faz política. Faz contas e mal. Parece que saíram todos de mestrado orientado por César das Neves. A Educação é outra coisa, senhores ministros. Os senhores provavelmente não sabem o que isso é.
facebook

terça-feira, 19 de novembro de 2013


segunda-feira, 18 de novembro de 2013

O ETERNO RETORNO DO FASCISMO | Em Portugal Salazar ganhou há uns anos um concurso televisivo, sendo porta-voz da candidatura o inenarrável Nogueira Pinto. O inenarrável disse recentemente, em entrevista, que formaria um partido de extrema-direita se a idade o animasse. De facto, nota-se à légua que está velho e gasto, tal como as teorias do seu mentor. Agora, no Chile, uma candidata pinochetista avançou para votos contra a candidata de esquerda Michelle Bachelet. As sondagens não previam grande sucesso para a representante da direita, mas parece que as saudades do ditador criminoso ainda ilustram as mentes de muitas cabecinhas. A antifascista Michelle Bachelet venceu, mas vai ter de aturar uma segunda volta com a fascista neoliberal. É claro que as coisas actualmente não se põem nestes termos. O estilo Pinochet não iria dominar a política chilena de um dia para o outro. Mas temos que estar atentos. Tal como aqui daria muito jeito qualquer coisa parecida com um Nogueira Pinto salazarista para aplicar sem chatices as políticas neoliberais, no Chile, o neoliberalismo de Pinochet ainda tem adeptos, e há quem imagine que seja essa a receita para a aplicação das amplas inevitabilidades. Lá como cá dava jeito um fascismo disfarçado que permitisse o que fosse preciso. Bem, por cá até parece que o disfarce já deixou de servir. Basta ouvir o porta-voz do conservadorismo governamental, o histérico César das Neves. Não encontraram melhor para a divulgação da fé que proferem. É o que se pode arranjar. Parecem loucos. Não são. São perigosos. E estão todos muito bem uns para os outros. 
facebook

DORIS LESSING | Morreu. Tinha 94 anos. Foi Prémio Nobel, mas não deu grande importância ao assunto. A sua vida foi de uma intensidade tal que não deixou espaço para essas minudências. Mais uma biblioteca que desaparece. Homenagem. 
facebook

domingo, 17 de novembro de 2013

UM CRISTÃO ÀS DIREITAS | O abominável César das Neves, em entrevista ao DN, assegura que "a maior parte dos pensionistas não são pobres e estão a fingir". Deve estar a lembrar-se das queixas de Cavaco e do recalcitrante movimento do banqueiro Pinhal. Só pode ser isso.
facebook

sábado, 16 de novembro de 2013

FÉ, FAMA E GLÓRIA | O tufão nas Filipinas espalhou a miséria e o desespero. Os apoios institucionais são fundamentais. Mas ainda há quem lamente a falta de fé de quem é atingido por castigo divino. Esta desgraça inunda notícias e comentários em toda a imprensa do globo. Por cá ficamos a saber, entre outras alegrias desportivas, que José Mourinho lê um capítulo da Bíblia antes dos jogos. Confessou a uma revista japonesa que lhe dá "sensações positivas". Que bom para ele. Não esclarece quais são os capítulos que tanto o animam. Mas parece que é mezinha para o seu sucesso. Confesso que, neste tempo em que tudo desaba à nossa volta, me sinto cada vez mais perto de quem sente o desespero. É que há outras leituras mais esclarecedoras. E não há pachorra para o "conhecimento" ignorante. Muito menos para a sua exibição.
facebook

quinta-feira, 14 de novembro de 2013


quarta-feira, 13 de novembro de 2013

EMPREENDEDORISMO PARA TÓTÓS | Pires de Lima quer que os putos aprendam empreendedorismo logo no ensino obrigatório. Está certo. Nunca percebi a razão de não haver formação para astronautas no pré-escolar. E um curso para fazer ministros em horário pós-laboral? Isso é que era.
facebook

terça-feira, 12 de novembro de 2013


MANUEL BOLA, POETA | O actor Carlos Rodrigues vai apresentar o seu livro Poemas a Soar A Manhã, na Casa da Cultura, em Setúbal, já na próxima sexta-feira à noite. O seu colega José Nobre vai ler os poemas. E vamos conversar com Carlos Rodrigues, perdão, com o poeta Manuel Bola até que a noite nos desampare. Convidados.
facebook

segunda-feira, 11 de novembro de 2013

RUI VALENTIM DE CARVALHO | Conheci-o quando fiz a direcção gráfica do livro Sons de Lisboa, com autoria de José Sarmento de Matos. O livro foi editado pela Valentim de Carvalho. Era um homem competente e cordial. Editor de Amália, conviveu com várias gerações de artistas. Por todos era estimado. Conheci-lhe a extrema generosidade e a simpatia. Oitenta e dois anos de uma vida dedicada à divulgação cultural. Morreu um grande senhor. facebook

DIÁRIO DE UM IDIOTA | Machete irrita governo? Então porquê? Passou-se para a oposição? É um dos nossos? Ou é apenas um valdevinos sem trambelho? Nós não avisámos? Agora já não dá jeito andar por ali a cirandar? Não o demitam, por favor. Estão bem uns para os outros. Cretinos.
facebook

domingo, 10 de novembro de 2013

CRIME E CASTIGO | Álvaro Cunhal foi uma figura misteriosa. Parece criação literária. Aliás, as histórias que contou em livro relevam sempre personagens que se confundem com ele próprio. A opção pela defesa de um ideal levou-o a viver, no tempo da ditadura, permanentemente em risco. Já tinha vivido mais de metade da sua vida quando conheceu a liberdade na terra onde nasceu. O mistério deve-se a essa constante resistência. Quem discordava de Salazar tinha que viver escondido. Ou estar calado. Cunhal não estava para aí virado. Fez da luta política maneira de existir. Vida difícil e complicada mas em permanente busca de conhecimento. Conheceu mundo e revelou o que conheceu. Ilustrou, pintou, escreveu, discutiu arte. Discordo de algumas opiniões sobre assuntos que também me são gratos. Mas realço, acima de tudo, nesta altura em que se comemora o centenário do seu nascimento, a capacidade de resistir à mediocridade fascista com cultura e com a coragem de acreditar em outros caminhos. Há quem, mesmo neste momento de comemoração, insista na ideia de que, como dirigente comunista, defendia outra ditadura. Acontece que Álvaro Cunhal esteve preso anos a fio, incomunicável, por combater o regime criminoso de Salazar. Os seus adversários políticos nunca viveram semelhante experiência. Dificilmente saberão do que falam. Há alturas em que deveriam ficar calados.
Imagem: retrato da autoría de Eduardo Gageiro.
facebook

sábado, 9 de novembro de 2013



CARL SAGAN | Nasceu a 9 de novembro de 1934. Morreu 62 anos depois. Esta foi a sua última entrevista. Uma conversa com um homem notável. 
facebook

sexta-feira, 8 de novembro de 2013


A VINGANÇA DOS ALGARISMOS | Os entusiastas do prestimoso governo português rejubilam com a descida percentual do desemprego. Percebe-se o entusiasmo: muitos portugueses responderam à sugestão do primeiro-ministro e foram procurar emprego para outros países amigos. E outros ainda penduraram uma toalha branca no braço e foram servir limonadas pela imensa esplanada portuguesa.
Também viemos a saber agora que Portugal foi um dos países onde o número de milionários mais aumentou. Outro motivo de orgulho por termos ao leme tão esforçados governantes. Tudo a correr acima das expectativas. Excelente desempenho governamental.
Há portanto uma luz ao fundo do túnel.
Portugueses: Ide trabalhar ao ar livre, nas esplanadas. Ide para o estrangeiro. Ide enriquecer. Não interessa como. Enriquecei. Mostrai o que valeis. Não somos menos que os outros. Seremos um país próspero, habitado cada vez mais por mais milionários.
O que é preciso é que os números se portem bem.
Fotografia: Paulete Matos
facebook

quinta-feira, 7 de novembro de 2013



CAMUS | 100 ANOS | Viveu como entendeu. Passou tudo para a escrita. Os seus livros são intensas experiências de vida. Com O Estrangeiro aprendi a lê-lo. Nunca mais parei. Passo por lá muitas vezes. Comemora-se a vida de um grande escritor. Comemora-se a Literatura.
facebook  
UM PRESIDENTE ÀS DIREITAS | Durão Barroso disse com todos os dentes que tem na boca que "os eventuais chumbos do Tribunal Constitucional podem pôr em risco o regresso aos mercados". Ficamos portanto a saber que o ainda presidente da Comissão Europeia é pela violação da Constituição da República. Os portugueses que o querem em Presidente da República deviam lembrar-se disto antes de fazerem disparates. É só um aviso.
facebook

quarta-feira, 6 de novembro de 2013

O RICARDO | Conheci o Ricardo quando ele colaborava com a Dom Quixote. Não tínhamos encontros frequentes. Encontrava-o em lançamentos de livros, e, muito espaçadamente, em livrarias, em busca de livros "surpreendentes", como ele dizia. Era um militante dos seus autores. "Já conheces Fulano?", "já viste a escritora que aqui está?". O entusiasmo era competência profissional, mas era também amizade. O Ricardo Machaqueiro gostava das pessoas. E gostava de gostar. Ultimamente trocávamos "likes" e comentários de ocasião no facebook. A última vez que estive ao vivo com ele foi no funeral do Miguel Portas. É muita gente a morrer. Não há coração para tanto abandono. Daqui a pouco vou despedir-me do Ricardo. Confesso que vou mesmo muito contrariado. Isto não deveria acontecer tão cedo. Um grande abraço para todos os seus amigos.
Muito obrigado pela tua amizade, e por tudo, Ricardo.
facebook
O GOSTO DOS OUTROSTer opiniões diferentes do inquestionável líder do país não augura nada de bom. Nádia vai para a Sibéria. O hediondo crime que cometeu levou a severa pena. Foi vítima de maus tratos na prisão onde a colocaram até agora, enquanto os milionários malfeitores, que compram clubes de futebol e mais o que lhes apetecer, e são aclamados pela populaça, viajam em vistosas embarcações de luxo, aviões ornamentados de gosto mais que duvidoso, e exibem mais o que a sua ridícula cultura lhes dita. O inquestionável líder do país não passa de um vulgar czar iletrado que ameaça a contemporaneidade com a sua pequenez policial. Triste país, este. Triste mundo. Vivemos um tempo muito perigoso para quem tem opiniões. Fonte DN.
facebook

terça-feira, 5 de novembro de 2013

SÓ À ESTALADAO ministro matemático ditou a aritmética: acabava o problema económico português se todos os portugueses estivessem um ano a trabalhar sem comer. O senhor ministro percebe de números mas não quer saber para nada das pessoas e das suas vidas. Claro que era impossível um povo inteiro estar um ano sem comer, sem morrer entretanto. Mas para ele é natural. Ele é apenas um matemático. E matematicamente a coisa é possível de desenhar. Eu acho que estas lições de Nuno Crato se poderiam resolver à antiga. Daquela maneira que deverá ser tão grata a Crato e seus colegas nostálgicos do ensino de outros tempos. Era só inverter os papéis: que tal corrermos com estes professores da treta à estalada?
facebook
UM CERTO ADEUS | O Ricardo Machaqueiro morreu. Uma grande vida que se vai. Tão cedo. Não consigo dizer mais nada. Esta merda irrita-me. Foda-se.
facebook

segunda-feira, 4 de novembro de 2013

MAD MEN | Há um Orçamento de Estado e há um guião para a reforma do dito. E há um governante que dá o dito por não dito. Portas já não se preocupa com os cortes nas reformas dos mais necessitados, nem com os enormes impostos, nem sequer com os textos que tentam justificar as subtracções. Parece que é unânime: o "guião" para a reforma do estado não adianta nem atrasa. Dar mais corpo ao texto para fornecer mais páginas e para lhe conferir credibilidade, é ridículo. Não há brilho nem valor na expressão deste governo de criaturas frustes e vazias. É mau de mais estarmos entregues a esta trupe de cabecinhas de merda.
facebook

sexta-feira, 1 de novembro de 2013

ZÉ DA GUINÉ | Morreu. Simpatia transbordante. Amizades em abundância. Estive várias vezes com ele no Bairro Alto, num dos seus espaços da noite. Há muito tempo que não o via. Estava doente. Disseram-me que tinha doença chata. Todas as doenças são uma chatice. Fica a boa memória de um bom homem.
facebook
BANDIDOS ENCARTADOS | Paulo Portas não disse nada hoje? Sente-se um melhor ambiente, sem o estremeção das ameaças de cortes. Se não fosse o mal irreversível que fazem quando actuam, diríamos que se respira melhor. Mas é sol de pouca dura. Eles não desistem. A ofensiva é internacional. Portas e Passos são verbos de encher. Portas enche tão facilmente que um dia destes rebenta. E Passos não enche nem vaza. São uns trastes, uns impostores, mas governam. Portugal e o mundo são governados por gente que não quer saber da gente. Melhores dias virão. Têm de vir. Ninguém pode viver toda a vida ameaçado.
facebook
+