segunda-feira, 30 de dezembro de 2013

A ESPUMA DOS DIAS | Até ao final do ano não tenciono dizer mais nada sobre política, políticos e assim. Vou desfazer-me em desejos de boas entradas, felicidades e melhores saídas. Vou comprar camarões, passas, bolo rei e bolo rainha. Vou aos saldos ao El Corte Inglés para não dizer que não fui aos saldos. Apesar de não tencionar comprar nem a ponta dum chavelho. Depois volto para casa. Vou ver filmes fofinhos na televisão, daqueles que já passaram duzentas e trinta vezes sempre que se fala que o ano está a acabar. Vou ser muito compreensivo. Não vou dizer mal de Cavaco, nem de Passos, nem de Machete nem de nenhum outro respeitável político. Não me vou meter com o Gomes Ferreira dos assertivos comentários económicos. Não vou achar César das Neves ridículo. Nem Camilo Lourenço parvo. Vou agradecer à troika todo o bem que nos tem feito. Respeito-vos imenso. Vou ficar aqui sentadinho e muito bem comportado. É da época. Vou esperar que esta onda de boa vontade se dilua na praia. E depois vou mandá-los a todos para um sítio que eu cá sei. Mas ainda não digo qual. Só depois de comer os camarões, o bolo rei e o bolo rainha. 
facebook
+