quarta-feira, 23 de outubro de 2013


MANUEL MEDEIROS | Morreu o livreiro Manuel Medeiros. Para quem estava por perto a notícia não é estranha, mas é sempre uma triste notícia. Dói como uma má surpresa. 
Em uma ilha dos Açores, nasceu há mais de setenta anos um rapaz muito curioso. Uma vez pegou num livro e ficou fascinado. Nunca mais deixou de procurar outros exemplares daquele magnífico objecto. Estudou, escreveu, viveu, resistiu aos tempos difíceis, divulgou os livros da sua alegria pelos outros. Toda a vida fez isso. A livraria que dirigiu na cidade de Setúbal tornou-se um lugar mítico. Um sítio onde se vai aprender convivendo com os autores. Esta morte apanha a livraria em comemoração dos 40 anos. Manuel contribuiu até ao fim para a festa com o seu saber.
Muito triste, esta partida. Muito obrigado por tudo, querido amigo.

facebook
+