domingo, 6 de outubro de 2013

A POLÍTICA DOS APOLÍTICOS | Passos segura Machete, dizem os jornais. O ministro dos negócios estrangeiros pede desculpa a outro país pelo comportamento da Justiça do seu, e o primeiro-ministro acha que se tratou apenas de uma "expressão infeliz". Sabemos que este governo está minado de expressões e atitudes infelizes. Deitar para trás das costas os disparates de um ministro que nos representa fora de portas é coisa pouca para um primeiro-ministro que parece permitir aos seus colaboradores comportamentos de amanuense. Tudo parece estar no seu lugar: Passos Coelho não passa de um amanuense da senhora alemã. 
facebook
+