segunda-feira, 24 de janeiro de 2011

PACHORRA | Já não há paciência para as reportagens sobre as declarações dos candidatos, as declarações propriamente ditas, as análises dos comentadores de serviço, as curiosidades pouco curiosas da campanha, o mau ganhar de Cavaco, a vitória dos que perderam, a penalização do que ganhou com a menor votação de sempre, e mais o diabo que os carregue. Já chega, não? Daqui a cinco anos há mais. Se lá chegarmos.
+